7 de fevereiro de 2020, às 17:29

Adolescentes da Casem recebem Tonho Baixinho na 4ª edição do projeto Olonimó


O músico Tonho Baixinho foi o convidado da quarta edição do projeto Olonimó, voltado aos adolescentes acolhidos pela Comunidade de Atendimento Socioeducativo Masculina (Casem), em Nossa Senhora do Socorro. A iniciativa tem como objetivo trazer experiências artísticas de músicos sergipanos aos socioeducandos da unidade, administrada pela Fundação Renascer.

Para o idealizador do projeto Olonimó, Alex Sandro, o objetivo é que os convidados sejam referência para os adolescentes assistidos. “Nesta edição, trouxemos o Tonho Baixinho, que tem uma longa vida na arte sergipana, para mostrar a sua vivência e o seu trabalho aos adolescentes. Aqui, os artistas participam de uma troca de experiências, de musicalidades, de composições e se tornam referência para estes jovens”, comentou.

Tonho Baixinho contou sua trajetória na música e serviu de exemplo para adolescentes que têm interesse em seguir o mesmo caminho. “Fico muito contente em participar deste projeto e compartilhar toda a experiência que trago na música. Ressaltei para eles que é muito importante ter orientação e foco nos objetivos para que eles possam crescer e serem como eu, que não desisti e consegui o que conquistei com muita força. Fico muito feliz em ser uma referência para esses meninos”, relatou o músico.

O socioeducando A.L.G. agradeceu pela oportunidade da visita do músico e parabenizou a coordenação da unidade pela iniciativa do projeto. “Mais uma atividade com o professor Alex e a coordenação de segurança, colaborando para a nossa melhoria. Essas apresentações toda semana são importantes. Com o tempo que passamos na casa e com esses encontros, vamos refletindo sobre nossas vidas, para quando sairmos daqui podermos ter uma chance na sociedade”, disse.

Fotos: Pritty Reis

Atualizado: